Como Construir uma PBN – Guia Completo

Talvez você tenha ouvido falar ou visto comentários nos últimos dias sobre PBN, uma estratégia para criar backlinks para seus sites que é considerada por muitos como ilegal, imoral, etc, por se tratar de uma estratégia Black Hat ( Lado Negro do SEO ), mas o que eu sei é que uma estratégia que realmente funciona e vale a pena utilizar. Neste artigo vou comentar um pouco a respeito do assunto e também ensinar passo a passo como construir sua PBN para impulsionar seus blogs e artigos na busca do Google!

Desde o ano passado que eu já falava a respeito e ensinava meus alunos do curso Negócio Online na Prática a respeito deste assunto, ou seja, já comentava a respeito dentro de um “círculo fechado” mas agora decidi compartilhar algumas informações sobre este assunto publicamente.

Bom, para começar vou te explicar o que e é PBN, é a sigla para “Private Blog Network”, em bom português:

=> Rede Privada de Blogs

Para deixar bem claro, não estou me referindo a uma rede de vários blogs falando sobre aquelas privadas do banheiro…hehehe

Brincadeiras a parte, o privada é no sentido de “propriedade privada“, algo que você não deseja que se torne público, não quer compartilhar com os outros, em outras palavras, uma rede privada de blogs nada mais é do que uma rede composta por vários sites que diferente dos sites tradicionais, você não deseja que se tornem conhecidos das pessoas, ou seja, sites cujo foco não é gerar visitas para eles mesmos!

Mas se o foco não é gerar visitas para estes sites que fazem parte da rede, então qual é o objetivo principal de tudo isso? A resposta é muito simples: Gerar Backlinks para seus mini sites ou artigos visando melhorar o posicionamento na busca do Google até atingir a primeira página de resultados, conseguindo colocar seus mini sites e artigos na primeira página do Google o retorno financeiro em vendas ou ganhos com anúncios do Adsense é praticamente garantido :-). A imagem abaixo exemplifica bem como funciona uma PBN:

PBN - Rede Privada de Blogs

Mas Atenção: Se uma Rede Privada de Blogs fosse algo tão simples assim, todo mundo já estaria fazendo e ganhando dinheiro posicionando seus blogs nos primeiros resultados da busca, afinal bastaria comprar vários domínios e colocar links apontando para seus artigos ou sites, mas não é bem assim…

O que faz da PBN uma ferramenta poderosa para posicionamento nas buscas é o fato de usar Domínios de Autoridade, domínios antigos que já possuem métricas boas de DA (autoridade de domínio), PA (autoridade de página), TF(Trust Flow) e uma boa quantidade de backlinks de qualidade apontando para eles.

Então os domínios que vão compor sua PBN não são domínios novos e sim domínios antigos que expiraram!

E é neste ponto que as coisas deixam de ficar tão simples. Não é fácil encontrar bons domínios expirados, não basta pegar qualquer domínio antigo que esteja disponível para registro novamente, é preciso analisar o domínio para ter certeza que possui boas métricas, ou seja, não é qualquer domínio antigo que vai servir para este propósito.

Como Encontrar Domínios Expirados

Existem diversas formas de encontrar bons domínios expirados, você pode conseguir isto em fóruns e grupos do Facebook sobre venda de sites e domínios, as vezes é possível encontrar pessoas vendendo domínios antigos, dai basta analisar as métricas para ver se vale a pena comprar ou não, mas pela minha experiência, na maioria das vezes você não vai encontrar domínios bons com preço acessível.

Uma segunda forma de fazer isto é utilizando programas como o Xenu Link Sleuth, este tipo de programa “varre” a Internet pesquisando em sites por links quebrados para encontrar domínios antigos que expiraram, no curso Expired Domains você pode aprender como utilizar esta estratégia de forma detalhada.

A terceira opção que é a que eu e a grande maioria das pessoas utilizam é usar sites que possuem ferramentas de pesquisa de domínios expirados ou domínios que estão a ponto de expirar, existem diversas sites destes, alguns gratuitos e outros pagos, como:

=> DomCop
=> Moonsy
=> Register Compass
=> Expired Domains

Como Encontrar Domínios no Expired Domains

Das ferramentas acima escolhi esta para demonstrar o processo de busca de domínios porque é uma ferramenta bem conhecida e utilizada por muitas pessoas em busca de domínios antigos, a principal vantagem do Expired Domains é ser 100% grátis, além disso possui boas opções de filtros que ajudam na hora de encontrar bons domínios expirados. Basta fazer o cadastro para ter acesso a página de pesquisa de domínios:

Site Expired Domains

Existem diversos tipos de TDL ( extensões de domínios ) onde você pode pesquisar por domínios expirados, basta clicar em uma das opções como na Deleted.com para começar a fazer a pesquisa, se seu interesse for por domínios .net basta ir na opção Deleted.net e assim em diante…

Após este passo você vai para “listagem de domínios” da TDL escolhida como mostrado abaixo:

listagem de domínios expirados
É aqui que a brincadeira começa, você pode simplesmente ir olhando os domínios da listagem, escolher alguns e analisar, porém certamente não é a melhor forma de fazer a pesquisa, afinal como pode ver na imagem acima, no momento que tirei este print tinham mais de 2 milhões de domínios listados ali.

Então o que vamos fazer é usar os filtros clicando no link “Show Filter” que está em vermelho logo acima da lista de domínios. Ao clicar ali vão aparecer algumas opções de filtragens como mostrado abaixo:

Filtragem na Expired Domains

Existem 3 abas: Common, Additional e Adwords e SEO.

Na primeira aba que é a mostrada acima eu costumo marcar somente as opções relacionados ao Page Rank como mostrado na imagem.

Na segunda aba não tem opções que costumo utilizar e na terceira aba é onde vamos utilizar algumas opções interessantes para fazer uma boa filtragem e assim conseguir garimpar um bom domínio expirado:

Filtro Avançado da Expired Domains

 

É aqui nesta parte avançada do filtro que vamos usar configurações para encontrar domínios com boas métricas. O que eu costumo utilizar são apenas a coluna do Moz.com e Majestic Million onde configuro com os seguintes valores por padrão:

– DA min = 20
– PA min = 30
– IP Pop min = 20

Se você quiser ser um pouco mais criterioso também pode preencher o campo Moz Rank com valor de 5…

Antes de continuar, gostaria de fazer uma observação, até pouco tempo atrás meu critério mínimo de PA era de 20, porém observando alguns domínios de PBN que tenho percebi que alguns domínios com DA menor que outros mas que tem PA maior estão ajudando a impulsionar mais os sites na busca, então recentemente mudei meu critério de PA mínimo para 30 para fazer testes..

Após isto basta clicar no botão azul Apply Filter e o site vai retornar uma listagem de domínios que cumprem os requisitos que você colocou no filtro:

Domínios Filtrados Expired Domains

 

No dia que apliquei este filtro o site me retornou uma listagem com 121 domínios, convenhamos que agora fica muito mais fácil de encontrar bons domínios e analisar eles. Para facilitar nossa vida ainda mais uma boa ideia é ordenar esta listagem clicando na coluna BL lá em cima, desta forma vai ordenar os domínios pela quantidade de backlinks do maior pro menor.

Como Analisar os Domínios

Com a listagem de domínios na mão é hora de começar a pesquisar para tentar encontrar domínios que valham a pena, mesmo com o filtro você vai ver que existem muitos domínios “lixo” que apesar de terem boas métricas são ruins por terem sido penalizados pelo Google ou por terem sido utilizados para fazer Spam, dentre outras coisas não recomendáveis.

A primeira dica que dou é não perder tempo com domínios chineses ou usados por eles, os caras são campeões em fazer spam com domínios expirados e detonar eles. É muito fácil de identificar isto na grande maioria é suficiente bater o olho no nome para saber se é chinês ou não, alguns exemplos que puxei da listagem acima:

– zhongyanyuleok.com
– xingheyulekk.com
– xingqi8ok.com
– tsrjyulechao.com

O segundo passo que é um dos mais importantes é checar se o domínio no qual você ficou interessado está indexado, para isto basta usar o próprio Google usando o operador “site” na busca como mostrado abaixo:

Como usar o operador site no Google

Se o resultado for como o da imagem acima significa que o site não está indexado e certamente não é um bom sinal porque isto pode ter ocorrido devido alguma penalização do Google, então ao se deparar com algo assim pode esquecer e passar pro próximo domínio da lista. Atenção, é importante não dar espaço depois do : ao fazer este tipo de pesquisa para que funcione corretamente!

Se aparecer resultados na busca então é sinal de que ainda está indexado e aí sim podemos passar pra próxima etapa onde vamos analisar mais a fundo para verificar a qualidade do domínio.

Checando o Perfil de Backlinks no Majestic

Agora o que vamos fazer é verificar a quantidade e qualidade de backlinks que apontam pro domínio que está na nossa “mira” e também aproveitar para checar o TF que é uma métrica bem importante, para fazer isto o primeiro passo é entrar no site do Majestic e logo em seguida fazer a pesquisa:

TF Majestic

Neste exemplo o TF está dentro do padrão que eu normalmente utilizo que é um mínimo de 15 e o CF está um pouco maior do que o TF, normalmente procuro por domínios em que a diferença de uma métrica pra outra seja mínima, faço isso porque em casos de CF muito maior que o TF é um sinal de que existem muitos backlinks ( provavelmente de Spam) mas com pouquíssima qualidade, no caso do exemplo acima tem uma diferença que não é tão pequena mas não a ponto de eu descartar o domínio.

Para verificar se vale a pena realmente ou não é necessário checar a quantidade de backlinks e texto âncora:

Gráfico Backlinks Majestic

 

Neste caso o número de backlinks é incrivelmente grande, mais de 227 mil vindo de mais de 5 mil domínios de referência, este tipo de informação eu confesso que me assusta um pouco porque não é algo “natural”, pouquíssimos domínios conseguem tantos backlinks de forma natural, a probabilidade mais comum em casos assim é de terem feito spam para conseguir os backlinks.

Além disso no gráfico da imagem acima o que desejamos ver são os pontinhos mais próximos da linha central ou acima dele e tem muitos abaixo demonstrando que a qualidade dos backlinks é ruim.

Mas vamos em frente pro texto âncora antes de tomar alguma decisão definitiva:

Como analisar texto âncora no Majestic

Este é o perfil de texto âncora dos backlinks, olhando pra ele aparentemente parece “natural”, ou seja, bem distribuído com 82% do anchor text usando palavras diversas, ou seja, não está focando muito em uma determinada palavra chave para rankear, porém ao verificarmos quais são os anchor text vemos que são todos relacionados a medicamentos, o tal do “ambien”, isto é um péssimo sinal e só confirma que o domínio apesar de ter sido trabalhado na questão de SEO foi usado para Spam, isto explica a grande quantidade de backlinks.

Sempre que você encontrar texto âncoras com palavras relacionadas a :

– Medicamentos
– Cassinos
– Pornografia ou erotismo
– Texto em chinês ou russo

É um péssimo sinal, nestes casos você deve simplesmente deixar o domínio pra lá e seguir na sua pesquisa com outro domínio.

Verificando o Histórico do Domínio

O último passo da nossa análise é verificar o histórico para ver o que tinha no site, quantas vezes o domínio mudou de dono e de assunto/conteúdo, etc. Este é um passo que muitos não fazem, mas eu considero importantíssimo para ter certeza de estar comprando um diamante e não uma pedra de carvão.

Para fazer isto vamos usar um site chamado Archive.org, o processo é simples como no Majestic, basta acessar e fazer a pesquisa:

Verificar histórico no Archive.org

 

Fazendo a pesquisa podemos ver que segundo o arquivo do site o domínio existe desde 2012, agora o que você deve fazer é clicar no primeiro ano em que aparecem prints do site, isto é fácil de identificar olhando os quadradinhos com os anos debaixo da busca, aqueles que tem linhas pretas na vertical são os que tem prints que mostram o histórico durante aquele ano.

Depois basta clicar em uma das bolinhas em azul para ver como o site era naquela data, por aí dá pra ter uma ideia do conteúdo que existia no domínio, se for algo relacionado aos itens que citei antes como medicamentos, jogos de azar, etc, já dá pra descartar, caso contrário o ideal é ir pra outro ano e ver se o conteúdo ou assunto continuo o mesmo o que seria um sinal positivo de que o domínio continuou com o mesmo dono.

Se em todos os anos o conteúdo e assunto abordados foram os mesmos até o ano em que a pessoa deixou o domínio expirar, então é um ótimo sinal de que ele não foi usado indevidamente para tentar rankear utilizando técnicas black hat de SPAM o que nos daria um sinal verde para compra.

Veja na imagem abaixo um print de 2012 da pesquisa de domínio do nosso exemplo:

Histórico de Domínio no Archive.org
Podemos ver claramente que desde o começo era um site focado em um medicamento e ao avançar e ver os prints de 2014 que são os últimos disponíveis vi que o conteúdo continuou o mesmo, a única mudança foi a inserção de anúncios acima dos posts para vender o tal do medicamento.

Eu escolhi este domínio aletoriamente para explicar todo o processo de compra de domínios para PBN, porém curiosamente ele nos deu um estudo de caso bem interessante, veja porque:

1 – Pontos Favoráveis:

– Domínio Indexado
– TF bom
– Boa diversidade de Texto âncora
– Histórico positivo de único dono e conteúdo

2 – Pontos Negativos:

– Número exagerado ( e suspeito ) de backlinks
– Texto âncora de medicamento
– Site de medicamentos

Por tudo que vimos na análise deste domínio o que pesaria na minha decisão de compra ou não é a questão do “pra que foi usado”, neste caso para site focando na divulgação de um medicamento específico.  E por esta e somente esta questão eu particularmente não arriscaria a compra.

Antes que alguém me pergunte: Não eu não tenho nada contra sites de medicamentos,mas a realidade é que a maioria deles tentam vender remédios ilegais ou não tem licença para vender e usam MUITO SPAM para divulgar estes sites, então é um risco que eu não gosto de correr.

Se o domínio não tivesse tantos backlinks e não tivesse sido utilizado para este propósito certamente que seria um boa opção de compra para fazer parte da sua PBN.

Comprando os Domínios

Após finalmente garimpar bons domínios o passo lógico é comprá-los o quanto antes, porém muita calma, aqui é preciso tomar alguns cuidados, você não deve registrar TODOS seus domínios em uma mesma empresa como Godaddy por exemplo, isto porque o Google também pode encontrar sua PBN pelo Whois dos domínios.

Para evitar isto o melhor a fazer é usar empresas diferentes para registro, você pode usar a Godaddy, NameCheap, NamePal, Super Domínios entre outras, além disso os dados de registro devem ser diferentes, ou seja, não registre todos com seu nome e dados iguais.

Uma boa dica é registrar alguns usando “whois guard” que é a proteção do domínio para que não vejam os dados de registro, mas registrar desta forma também é suspeito, então o melhor a fazer é mesclar, registrando alguns desta forma e outros com diversos nomes e dados como seu nome, nome da esposa, namorada, mãe, etc, ou até inventando nomes para isto, também é importante usar e-mails diferentes para o registro dos domínios.

Hospedagem dos Domínios

Esta é uma parte crucial do seu projeto de PBN. Lembra se do “Rede Privada”? Pois é não queremos que ninguém saiba que temos uma Rede Privada de Blogs e que descubram os sites que a compõe, mas o mais importante é:

– Não deixar o Google encontrar sua PBN!

Para ocultar a Rede Privada de Blogs do Google não podemos simplesmente hospedar os sites de qualquer maneira colocando todos juntos em um plano de revenda por exemplo, isto porque sites hospedados em um mesmo servidor tem uma grande probabilidade de usar endereços ips parecidos como por exemplo:

– 104.20.105.28
– 104.20.105.170
– 104.20.105.215

Você viu que negritei o 105 nos ips acima? Isto é o que chamamos de bloco C do IP, em sites que compartilha hospedagem em um mesmo servidor a tendência é que todos tenham IPs com o mesmo bloco C e isto é muito ruim no caso de uma PBN pois daria uma pista gigante pro Google expondo toda a nossa rede!

Para que isto não ocorra é importante que os sites estejam hospedados em hospedagens diferentes para diversificar os ips e principalmente o bloco C, se você tiver 3 sites em sua rede por exemplo, então neste caso o ideal seria ter 3 hospedagens em empresas diferentes uma para cada um deles para que fiquem com ips diferentes e não gerem pistas pro titio Google.

Então após pesquisar e conseguir filtrar bons domínios o próximo passo é contratar hospedagens para os domínios que comprou para a PBN, lembrando de hospedar sempre em locais diferentes, eu sei que não é uma tarefa fácil de administrar, mas é um cuidado necessário ( quem disse que SEO “Black Hat” é moleza?? ), uma dica simples que pode te ajudar enste processo é criar uma planilha para anotar os dados, informando os domínios, hospedagem de cada um, dados de login das hospedagens, vencimento de mensalidades, etc.

Para finalizar esta parte a dica que dou é procurar por empresas de hospedagem baratas, existem muitas fora do Brasil em que você pode pagar entre 1 a 2 dólares por mês, aqui no Brasil existem desde empresas com planos grátis como a Hostinger como empresas com planos baratos entre 3 a 5 reais por mês, eu considero que investir até 6 reais por mês com cada domínio da sua PBN é um bom valor, evite pagar mais do que isso se possível.

Configuração dos sites da PBN

Depois de adquirir um bom domínio e contratar a hospedagem o próximo passo é configurar o site da sua PBN, aqui na realidade praticamente não existe segredo, o que você deve fazer primeiro é instalar o WordPress, neste passo tente não deixar aqueles usuários padrão como admin e procure utilizar e-mails de administração diferente para cada instalação.

Com o WordPress instalado você deve fazer aquelas configurações padrões que faz com blogs normais, ou seja, configurar os links permanentes, deletar a página e post de exemplo da instalação do WP, instalar um tema e instalar alguns plugins básicos, tudo isto são coisas simples de se fazer, mas se você não sabe trabalhar com o WordPress pode aprender no meu curso grátis de como criar um blog.

Apesar de todo este processo ser bem simples eu recomendo que selecione um tema que de opção de fazer o post aparecer inteiro na página inicial do blog. Em relação aos plugins o básico que você vai precisar é:

– Akismet
– Contact Form 7
– Redirection
– 404 Redirection
– WordPress SEO by Yoast
– Wp Super Cache

E nada mais…Não há necessidade de encher um blog de PBN de plugins.

Outra coisa que os blogs da sua rede vão precisar ter é uma página de contato e uma página “sobre” com informações sobre o site, um termo de privacidade também seria interessante, estas coisas são úteis pois ajudam a deixar o site parecer natural.

Cuidados que precisam ser tomados

A questão do registro do domínio e hospedagem não é a única coisa com que você tem que se preocupar em relação a cuidados para “blindar” sua PBN, existem configurações nos sites que você precisa estar atento para não deixar pistas:

1 – Não use o mesmo tema para todos sites da sua PBN

2 – Não use os mesmos plugins em todos os sites, em alguns por exemplo substitua o plugin do Yoast pelo All in One Seo, ou substitua o redirection pelo pretty link, o wp super cache pelo wc3 total cache, etc..

3 – Uma opção para ocultar seus backlinks e desta forma deixar sua PBN “escondida” é usar plugins que bloqueiam os robôs de ferramentas de SEO como Majestic, Ahrefs, etc. Eu sinceramente acho que usar este tipo de plugin em todos os sites de sua PBN é um grande risco pois acaba deixando uma baita de impressão digital pro Google, aliás o Darkent também expressa o mesmo pensamento neste artigo.

Conclusão:

Criar uma PBN própria para impulsionar mini sites e artigos visando atingir as primeiras posições do Google é uma estratégia realmente muito poderosa e que funciona super bem, porém não é uma tarefa tão simples de se fazer, é preciso investir tempo, dinheiro e ter muita organização.

Qualquer passo errado na construção da sua rede privada de blogs pode por todo o projeto a perder, portanto não adianta ter pressa, faça as coisas com calma tomando tendo certeza de que está tomando todos os cuidados necessários.

Também é importante ressaltar que apesar de ser uma estratégia que funciona, também é algo que tem um certo nível de risco, em outras palavras, se não fizer direito você pode ser pego e os sites que estiver tentando promover através da PBN podem ser penalizados.

Tendo isto em mente eu não recomendo que faça este tipo de estratégia para seus blogs de autoridade, o ideal é usar somente para mini sites ou sites de nicho pequenos nos quais não vai ter muito problema se forem penalizados. Também não recomendo usar PBN para sites de clientes, a não ser que você explique todos as vantagens e riscos envolvidos para que o cliente esteja ciente das vantagens e riscos.

Eu poderia escrever muito mais, mas já deu muito assunto, acredito que este deve ter sido um dos maiores artigos que escrevi até hoje no blog, mas se necessário posso criar outros artigos para abordar partes específicas do assunto. Se achou este artigo interessante ou tiver dúvidas, não se acanhe e deixe seu comentário…hehehe

Dica Extra

Se você realmente quer aprender tudo de que precisa para criar uma boa PBN da forma correta e com segurança eu recomendo que faça a assinatura do Darkentópolis, lá eu ensino Passo a Passo em uma sequência de aulas como Criar Sua PBN, como Configurar Cada Dominio da PBN, como Postar Links na PBN, etc….

Enfim, vale muito a pena mesmo, para conhecer um pouco mais a respeito de Darkentópolis clique no link abaixo:

Comunidade de SEO, BH e Monetização Darkentópolis!

58 Comentários

  1. Boa tarde Daniel Grecco

    Veja este site de alojamento e verá que aqui tem a solução para o BPN no mesmo alojamento acho interessante e foi uma descoberta minha recente http://www.hostnine.com/

    Abraço
    Artur Duarte

    • Oi Artur, tudo bem?

      Sim, eu conheço a Host Nine, o problema é que virou “alvo” de muita gente que tem PBN e por isto acredito que ficou arriscado hospedar com eles.

      Abraços,

      Daniel

  2. EU JÁ ERA SEU FÃ? APÓS ESTE ARTIGO TORNEI-ME AINDA MAS AGORA ….ADMIRADOR DO SEU TRABALHO QUE ACOMPANHONA BASE ..DE SEUS ARTIGOS!!!
    eSTE SITE CRIADO ACIMA E FRUTO DOS SEUS CONSELHOS E PARA PROVAR QUE SÃO BELOS CONSELHOS TENHO MAIS DE 10 ARTIGOS NA PROMEIRA PÁGINA DO GOOGLE…
    UM FORTE ABRAÇO E MAIS UMA VEZ OBRIGADO PELOS SEUS ARTIGOS…

    ATENCIOSAMENTE

    MARCOS PENNY

    OBS: SOU APOSENTADO E TENHO 60 ANOS, MAS DESCOBRI VIDA ATIVA NA INTERNET…
    COM VOCÊ E OUTROS COBRAS QUE ESTÃO POR AÍ…

  3. Ola Daniel, você já tentou fazer um teste pra descobrir se esses dominios de spam não ajudam no posicionamento? Tipo comprar 2 ou 3 dominios de spam e linkar pra um novo projeto? Será que esses links de spam não passariam algum juice para o nosso money site?

    • Olá Julia, tudo bem?

      Não, nunca fiz o teste mas é uma coisa a se pensar, porém acredito que o mais provável de acontecer é:

      – Não gerar nenhum resultado
      – Gerar algum resultado inicial porém não se sustentar a médio longo prazo.

      Enfim é lago a se pensar, se eu vier a fazer um teste assim depois faço um artigo no blog comentando a respeito.

      Abraços,

      Daniel

    • Aline

      seus posts sempre me tirando dúvidas obrigada! Adorei a forma como ensina como criar PBN

  4. Em quanto tempo consegue mensurar o resultado ?

    O Pagerank do site influencia muito ?

    • Olá Leandro,

      O tempo para aparecer resultados depende de vários fatores tais como tempo de indexação dos posts com os backlinks por exemplo. Os primeiros resultados podem aparecer dentro de 7 a 10 dias, mas as vezes pode demorar algo em torno de 15 a 20 dias, há casos raros também onde você consegue resultados em 4 ou 5 dias, enfim vai depender do domínio, tempo de indexação, etc.

      Atualmente eu nem olho pro Pagerank, nem precisa se preocupar com isto, o que conta hoje em dia é DA,PA, TF e quantidade de backlinks.

      Abraços,

      Daniel

  5. Flávio Costa

    Boa noite . uma pergunta meio besta mas eu devo escolher o nicho que irei trabalhar de acordo com o conteúdo apresentado nesse site quando era ativo ou isso não tem nada a ver?

    • Olá Flávio, tudo bem?

      Não é pergunta besta não, alias, nenhuma pergunta é “besta”, bobo é quem não pergunta…rs

      Não é necessário criar conteúdo do mesmo nicho que existia antes no domínio expirado, a não ser que você queira usar o domínio pra algum site de autoridade relacionado ao nicho em vez de usar para PBN.

      Abraços,

      Daniel

    • Olá Álvaro, tudo bem?

      Obrigado por me avisar, já corrigi no artigo.

      Abraços,

      Daniel

  6. Dionatan

    Oi Daniel,

    Os domínios da minha PBN precisam ser “nacionais” ou isso não faz a menor diferença?
    O nicho também não precisa ter relação alguma com o que eu quero promover?

    • Olá Dionatan, tudo bem?

      Não precisam ser nacionais, na verdade utilizamos mais domínios internacionais como os.com e .net.

      Em relação ao nicho se conseguir um domínio que tinha conteúdo do mesmo nicho que seu site é bom sim, mas se não tiver não tem problema, não precisa ficar preso a isto.

      Abraços,

      Daniel Grecco

  7. Carlos

    Amigo, Sensacional seu post!!

    Há alguns dias estava “matutando fazer isso”, mas não tinha ideia dos riscos e oportunidades que poderiam trazer. Com certeza vou Fazer, acredito que valha a pena cada centavo.

    Seu post me deixou mais seguro para tomar a decisão que estava engatilhada. Consegui identificar os possíveis riscos, agora é botar em prática.

    Show de bola! Parabéns! Conquistou um Fã!

    Abraços

    Carlos Firmino

  8. Rafael

    Olá Daniel, quais são essas hospedagens baratinhas que você fala no artigo de 1 a 2 dólares por mês e as que são entre 3 a 5 reais por mês? Pode indicar ??

    • Oi Rafael,

      Existem várias, basta digitar no Google por : “1 dollar hosting” que vão aparecer diversas empresas destas. Eu não tenho uma lista sempre procuro fazendo isto 😉

      Abraços,

      Daniel Grecco

  9. Vou começar a criar minha PBN, alguém tem algum host para indicar?

    • Olá Caio, tudo bem?

      Existem diversas hospedagens baratas, recomendo pesquisar no Google por cheap hosting que vai encontrar várias hospedagens que cobram entre 1 a 2 dólares por mês.

      Abraços,

      Daniel

  10. Apesar de parecer um pouco difícil acredito que possa dar excelentes resultados! Valeu Daniel! Você acha que diretórios de artigos são boas fontes de backlinks tbm?

    • Olá Guilherme, tudo bem?

      Não é difícil não, depois que pega a prática, achar bons domínios e fazer PBN é como andar de bicicleta…rs

      Atualmente uso os diretórios só de vez em quando e apenas para diversificar meus backlinks.

      Abraços,

      Daniel

  11. Show de bola Daniel, valeu pelas dicas !
    Você já testou a hospedagem do 2Free Hosting (2freehosting.com) ?

    Ela é free … será que rola de usar ela pra hospedar uma das pbn’s ?

    Obrigado ai por compartilhar o conteúdo, abraço !

    • Oi Sóstenes, tudo bem?

      Esta empresa eu não conhecia não, vou verificar. Existe outra que tem hospedagem gratuita que é a hostinger.com.br, já hospedo uma PBN minha lá e funciona bem.

      Abraços,

      Daniel

  12. André Silva

    Caraca Daniel, Este artigo é show, valeu !

  13. Daniel, e em relação ao conteúdo dos domínios adquiridos para formar a PBN, devo escrever um conteúdo qualquer relacionado ao site que quero que seja apontado e colocar a url do site dentro do conteúdo como link?

    • Oi Rodrigo, tudo bem?

      Sim amigo, é isto mesmo, Na PBN cria um post com conteúdo relacionado ao assunto do seu Mini Site e lá dentro encaixa um link pro seu Mini Site.

      Abração,

      Daniel

    • Oi Rodrigo, tudo bem?

      Sim, é isto mesmo, dentro do site da PBN basta criar um post com assunto relacionado ao assunto do Mini Site e lá dentro colocar um link pro seu mini site.

      Abração,

      Daniel

  14. legal esta forma de abordagem sobre pbns vou implantar em meus negócios futuramente, obrigado pelas dicas, sucesso

  15. Fernando

    Muito bom cara, excelente. Resumiu muito bem e deixou tudo muito bem explicado. Gratidão resume meu sentimento. Abraço

    • Olá Fernando, tudo bem?

      Obrigado amigo, fico feliz em ter ajudado com este artigo sobre PBN 😉

      Abração,

      Daniel

  16. Uma única PBN pode mandar links para quantos minisites? Existe uma regra para isso?

    • Oi Elio,

      Não tem uma regra não, mas um número “bom” seria algo perto de 5 ou no máximo até 10 sites diferentes ( se for apenas um link por site ).

      Abração,

      Daniel

  17. Alexandre

    Olá Daniel, por favor, qual a relação PBNs x mini sites, ou seja, de quantas PBNs eu vou precisar para promover, por exemplo, 10 mini sites em nichos em que não haja nenhum concorrente forte (Mercado Livre, por exemplo).

    Pergunto isso porque me pareceu caro comprar domínios, entre registro e compra são aproximadamente US$ 100, em média. Se eu precisar de 10 PBNs, por exemplo, vou gastar mais ou menos US$ 1.000, ou aproximadamente R$ 4.000, uma boa grana.

    Obrigado

    • Olá Alexandre, tudo bem?

      Não existe fórmula específica, tem MS que consigo posicionar na primeira página até mesmo sem backlinks devido concorrência baixíssima..Em alguns com um link será suficiente, outros 2 ou 3, outros de concorrência alta podem precisar de até 10 ou mais..

      É um investimento sim, porém com o tempo ele se paga tranquilamente, além disso você não precisa comprar só domínios de 100 dólares, eu compro vários na faixa de 30 a 40 dólares e já encontrei muito domínio bom pra registrar a preço de novo por 30 reais..

      Abraços,

      Daniel

  18. Raul

    Boa tarde! Esse site PBN então não coloca no ferramentas para webmasters tools do tio Google. Como vai indexar os artigos para contar os backlinks ?

    • Oi Raul,

      Exato, é bom evitar de cadastrar a PBN no Webmaster Tools. Não se preocupe porque elas indexam mesmo sem cadastrar lá, seja naturalmente com o tempo ou “forçando” com algumas técnicas usadas pra isto.

      Abraços,

      Daniel

  19. Paulo cesar

    Amigo, essa estrategia parece ter uma força espantosa, eu estou começando e achei alguns domínios com boas métricas porem não indexados, e já verifiquei todo o passado e não encontrei penalidades nem spam, existe a possibilidade de indexá-los outra vez? tem alguma dica pra me ajudar.
    Muito bom o artigo abraço.

    • Oi Paulo,

      Domínios que não estão indexados tem 50% de chance de ser porque apenas ficaram muito tempo “offline” e 50% de chances de ser porque foram penalizados. Não há como saber por qual motivo não estão indexados, mas se você achar as métricas boas e não ver nenhum sinal “estranho” relacionado ao domínio, pode valer apena arriscar comprar um, ainda mais a preço de novo, se não indexar o máximo que vai acontecer é perder um pouco de dinheiro, por outro lado, se indexar você vai ter comprado um ótimo domínio por um preço super barato.

      Abraços,

      Daniel

  20. Carlos

    Daniel, ótimo artigo, tirou muitas dúvidas minhas. Estou para entrar no seu Curso no início do mês…
    Cara, um domínio expirado com boas métricas, mas que já foi trocado de dono e conteúdo/nicho deve ser descartado? Mesmo que descubra com uma análise que esse segundo dono não tenha feito spam?
    Resumindo:
    _boas métricas
    _trocou de dono (sendo 10 anos com o primeiro/1 ano com o segundo dono
    _Mudou o conteúdo e nicho (não foi nicho “cabuloso”)
    _não há Spans aparentemente (continuou criando backlinks com texto âncora para a marca/domínio e diversificados em bons sites
    Seria uma boa opção?

    Outra pergunta: o grupo do Curso é fechado só para participantes ou aberto a qualquer pessoa que queira entrar?

    Abração!

    • Oi Carlos, tudo bem?

      Pelo que me passou eu não veria problemas em comprar este domínio, já comprei domínios com casos semelhantes.

      O grupo do curso é só para alunos.

      Abração,

      Daniel

  21. Marco

    Ótimo artigo! Mas tenho uma dúvida… e sobre utilizar sites pbn com os domínios (tumblr, wordpress.com, blogger) tem algum risco do meu site principal ser penalizado? Tipo, eu tenho um site de tecnologia, eu criei um site pbn em cada plataforma que falei, mas usando o próprio do domínio(tumblr, wordpress.com. blogger). Cada post que crio nessas plataformas eu gero um link para o meu site principal. Tem algum problema já que esses sites tem um ótima reputação? Grato!

    • Olá Marco,

      Funciona sim, mas não é muito eficaz como domínios normais. E você tem que tomar cuidado ao colocar links pro seu site se usar o mesmo site de PBN para mandar vários links isto vai deixar um footprint claro pro Google e as chances de ser penalizado são altas..

      Abraços,

      Daniel

  22. Jonas

    Oi Daniel! Excelente artigo e muito esclarecedor!

    Uma dúvida, o site PBN que eu comprar tem que manter a mesma língua do site antigo? Ex: se o site era em inglês, devo manter inglês no conteúdo que eu criar? E se eu apontar para meu Moneysite em português não pode ficar estranho para o Google?

    • Oi Jonas, tudo bem?

      Não, não é preciso manter o idioma original que o site tinha antes, pode criar conteúdo novo em português mesmo.

      Abraços,

      Daniel

  23. Daniel, muito obrigado escrever este artigo. Está me ajudando muito a montar a minha pbn. Grande abraço e sucesso!

  24. Muito bom Daniel, super completo o artigo e as dicas são realmente um passo a passo pra quem deseja montar uma pbn, tenho certeza que ajudou muita gente.

  25. Pedro

    Não é mais fácil comprar backlinks?

    100 reais já compra

    • Oi Pedro,

      Tem o lado da facilidade, mas o risco é bem maior. Ao montar sua PBN você tem sua própria estrutura de criação de links e fica muito mais fácil de gerenciar e tomar os cuidados necessários para evitar penalizações do Google.

      Abraços,

      Daniel

  26. João Cardoso

    Obrigado Daniel,

    Eu tenho um site que vende serviços e nele tem um blog. Eu devo apontar para a página inicial ou para os conteúdos do Blog?
    Outra dúvida, um site da pbn pode apontar aproximadamente quantos links?

    • Oi João, tudo bem?

      Deve apontar para a página que deseja posicionar…

      Abraços,

      Daniel

  27. OBRIGADO POR ESSAS IMFORMAÇÕES ,ARTIGO MUITO BOM

  28. Saulo Falcão

    Oi Daniel, tudo bem. Muito boas as suas explicações. Comprei um domínio na PBN HQ e está dando bem certo até o momento.

    Uma dúvida: como você faz para gerar o conteúdo para a PBN? Você mesmo escreve os artigos, faz spinner, contrata pessoas para escrever (aonde?), ou tem alguma ferramenta de geração de conteúdo automática?

    Parabéns pelo conteúdo!

    • Oi Saulo,

      Na maioria das vezes eu que escrevo o artigo mesmo ou peço pra algum redator. Nunca uso texto spineado pois a ideia é deixar parecendo o mais natural possível com um site “de verdade”..

      Abraços,

      Daniel

  29. vamosporai.com

    Que isso heim Daniel???
    Quando a gente acha que sabe alguma coisa no MD vem você e nos espanta com este Post, digo mini curso, com tanta informação!!!

    Valeu amigo.

    Junior.

  30. Amauri

    Artigo muito interessante

  31. Luciano

    Olá Daniel… Gostaria de saber, mínimo quantos domínios você recomenda comprar pra fazer parte da nossa PBN? faltou essa informação no post. Desde já quero parabenizar pelas excelentes informações jogadas gratuitamente neste post. Um abraço e muito sucesso em breve terei minha PBN.

    • Oi Luciano, tudo bem?

      O quanto você tiver dinheiro para comprar, SEO é investimento, quanto mais melhor. Se puder começar comprando apenas um, que assim seja, mas se puder comprar uns 10 logo de início então não pense duas vezes.

      Abraços,

      Daniel

Deixe uma resposta para Artur Duarte Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *